19 November 2007

Ao vivo... GNR

Data - 14 de Maio de 2005
Local - Parque da Bela Vista
Notas - Aproveitando o recinto criado para o Rock In Rio, os GNR deram um bom concerto mas com muito pouco público o que, infelizmente, é costume na zona de Lisboa, talvez devido às constantes provocações de Rui Reininho.

12 November 2007

Ao vivo... Massive Attack

Data - 10 de Novembro de 1998
Local - Pavilhão Atlântico
Notas - Se não estou em erro este foi o primeiro concerto no pavilhão atlântico após o final da Expo 98. A ser esse o caso, duvido que existisse melhor maneira de "inaugurar" uma sala de espectáculos. Verdadeiramente espectacular.

09 November 2007

Ao vivo...Festival Vilar de Mouros

Data - Dia 21, 22 e 23 de Julho de 2006
Local - Vilar de Mouros
Notas - Arrasador concerto de Iggy Pop. Um dos melhores de sempre em Vilar de Mouros. Destaque para a actuação de Tricky, um bocado anárquica, em que os músicos nem sabiam qual o alinhamento. Excelente regresso dos Taxi. Os Mojave 3 deram um bom espectáculo apesar do seu som não ser o indicado para aquele tipo de evento e recinto. Moonspell, Sepultura e Xutos e Pontapés cumpriram mas sem deslumbrar.

08 November 2007

Entrevista... Entrevista Salada de Frutas

Terceira parte de uma entrevista feita pelo autor deste blog aos Salada de Frutas e publicada no jornal "Se7E, no dia 08 de Julho de 1981.

...
Perg. – Porquê que vocês optaram por cantar Rock em Português?
Resp. – (Zé da Ponte) O Rock como expressão universal que é deve ser entendido pelas pessoas. Nós estamos em Portugal e a cantar para Portugueses. Por esse motivo achamos lógico cantar em Português.
(Guilherme Scarpa) Existem grupos Portugueses que cantam em Inglês. É uma opção como outra qualquer e têm esse direito. Do nosso ponto de vista isso não tem cabimento. Já quase toda a gente perdeu a mania de afirmar que o Português não é uma língua cantável. Esta provado que se pode cantar em Português.
Perg. – A maioria das letras das vossas músicas fala de temas que são uma crítica á sociedade. Porque razão é que optaram por esse tipo de letra?
Resp. – (Zé da Ponte) O rock como linguagem popular, começou por ser um meio de expressão musical em termos acusadores, ao tratar em parte as coisas que, basicamente, estão mal. Foi um movimento desde sempre contestatário. O rock é uma música que é uma maneira de estar e isso reflecte-se naquilo que se canta.
Perg. – Recentemente iniciaram uma tournée a nível nacional. Como é que as pessoas têm reagido aos vossos concertos e gostava que estabelecessem um paralelo entre a reacção do público da província e o da cidade.
Resp. – (Zé da Ponte) O público da província reagiu muito bem e quanto ao público da cidade, mais propriamente o de Lisboa não podemos dizer nada pois só tocámos uma vez em Lisboa e foi tipo relâmpago. A malta urbana é mais agredida por este sistema e isso torna as pessoas mais frias e mais preconceituosas.

FIM

07 November 2007

Entrevista... Entrevista Salada de Frutas

Segunda parte de uma entrevista feita pelo autor deste blog aos Salada de Frutas e publicada no jornal "Se7E, no dia 08 de Julho de 1981.
...
Perg. – A linha musical do vosso primeiro álbum é totalmente diferente da do single “Robot”. Porquê essa viragem de estilo?
Resp. – (Guilherme Scarpa) – Essa diferença que se sente do single para o álbum não é uma mudança deliberada de estilo, mas sim o resultado de um trabalho que nos desenvolvemos em conjunto e que, digamos, chegou a esta fórmula, que agora é esta mas que daqui a uns meses talvez possa ser outra, pois nós não nos queremos amarrar.
Perg. – Mas não acham que essa mudança musical pode vir a decepcionar alguns dos vossos fans que compraram o primeiro álbum?
Resp. – (Guilherme Scarpa) Eu penso que talvez tenha havido pessoas que deixaram de gostar, mas penso que isso é algo que ninguém pode evitar. Não acho que tenha havido assim tanta malta a deixar de gostar. Temos tido público nos concertos que nos pede tanto para tocarmos temas novos como temas mais antigos.
...

06 November 2007

Entrevista... Entrevista Salada de Frutas

Primeira parte de uma entrevista feita pelo autor deste blog aos Salada de Frutas e publicada no jornal "Se7E, no dia 08 de Julho de 1981.

Os Salada de Frutas são um grupo sobejamente conhecido de todos nós. A sua formação provém de 1980 e actualmente são compostos pela Lena D’Água na voz, Luís Pedro da Fonseca nas teclas, Zé da Ponte no baixo, José Carrapa na guitarra e o Guilherme Scarpa Inês na bateria. Todos eles são músicos da chamada “velha guarda” e antes de formarem os Salada de Frutas, já tinham feito algo em termos musicais. Senão, vejamos: Lena D’Água gravou um disco dedicado às crianças; Guilherme Scarpa e José Carrapa participaram juntamente com José Cid no agrupamento Cid, Scarpa e Carrapa, numa onda Rock; Zé da Ponte e Luís Pedro da Fonseca participaram em diversos projectos quer como músicos quer como produtores.
Perg. – Como é que se deu a formação dos Salada de Frutas?
Resp. – (Guilherme Scarpa) O Zé, o Luís Pedro e a Lena formaram a banda em Setembro do ano passado. Decidiram-se a gravar um álbum, arranjaram o material todo e depois quando chegou a altura de ir para estúdio convidaram-me a mim, ao Rui Cardoso e ao Zé Carrapa. Depois disso a malta não fez estrada porque não houve hipótese devido a problemas de ordem técnica e material. Agora resolvemos formar a banda sem o Rui Cardoso; juntamo-nos os cinco, começamos a ensaiar, preparamos um set de palco e só depois disso é que gravamos o “Robot”.
...

05 November 2007

Ao vivo... Metallica

Data - 20 de Setembro de 1996
Local - Estádio do Restelo
Notas - Este concerto figura no "Top Ten" dos concertos a que assisti. Verdadeiramente fabuloso, com um excelente som e com os Corrosion Of Conformity na primeira parte. Os Metallica são, em minha opinião, uma das melhores bandas ao vivo; talvez a melhor.

02 November 2007

Ao vivo... Guitar Shorty

Data - 27 de Maio de 1999
Local - Blues Cafe
Notas - No ano de 1999 o Blues Café, Lisboa, tentou a realizaçãode espectáculos ao vivo nas suas instalações. Infelizmente não durou muito tempo.
Neste dia, um dos maiores músicos de Blues oriundo de Houston proporcionou um concerto verdadeiramente fabuloso, quer em termos de espectáculo quer de duração. Guitar Shorty é um grande guitarrista nascido em 1939, ou seja com quase 60 anos na altura. Mesmo assim deu um concerto que começou cerca da meia-noite e terminou perto das quatro da manhã. Espectacular.